terça-feira, 23 de setembro de 2014

Excelente opção de molho bolonhesa


Seja spaghetti, penne, talharim, canelone, nhoque, não importa. Este molho bolonhesa é simples de fazer, fica diferente e mais saboroso que o feito com carne moída.

Ingredientes: 

1 Kg (peça) de coxão duro 
8 tomates maduros
3 cebolas picadas
2 pimentões verdes picados
8 dentes de alho picados

Preparo: 

Perfure a peça com uma faca e tempere-a com a cebola, pimentão, alho, sal a gosto. Pessoalmente uso muito pouco sal e acrescento mais alho e cominho. Deixe a peça temperada descansar na geladeira por 30 minutos a 1 hora.

Molho de tomate: aproveite a água que estiver esquentando para fazer a massa e utilize a água fervente para mergulhar os tomates por 1 min nessa água. Depois basta furá-los com uma faca e retirar a casca, que sai facilmente com os dedos.


Corte os tomates sem casca e leve-os a uma panela com 200 mL de água fervente. Eles irão se desmanchar naturalmente. Com um expremedor de batatas ou uma colher maior, amasse-os quando estiverem bem cozidos para homogeneizar o molho.

Em uma panela de pressão com óleo quente, acrescente a peça de coxão duro temperada, refogando-a juntente com a cebola e pimentão utilizados. Encha de água até cobrir 2 dedos acima da peça. Tampe e aguarde fazer pressão. Abaixe o fogo e cozinhe por 30 a 40 minutos, até a carne estar totalmente cozida e desmanchando. 


Com um garfo, desfie a peça cozida, acrescente o molho de tomate e o molho da carne, com o pimentão e a cebola. Utilize o molho na massa que lhe for de melhor agrado. Bom apetite.




quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Molho de pimenta


Eventualmente me deparo com alguns molhos de pimenta fantásticos. É o caso desta receita que insisti em obter da amiga Lixa Cicuto, pastelaria NaPista em Tupaciguara MG.

Os molhos que usam óleo geralmente acabam tendo o sabor alterado com o tempo. O uso do limão evita essa rancificacao do molho e confere um sabor e aroma muito bons.

Ingredientes:

- 400 gr. de pimenta (utilizei um mix de habanera, malagueta, dedo de moça e bode)
- 1 cabeça de alho 
- 1 cebola grande
- 1 maço de salsinha e cebolinha
- suco de 4 limões (utilizei o china nesta receita)


Modo de preparo:

Fatie os dentes de alho, pique a cebola, as pimentas, a salsinha e a cebolinha.
Lave as pimentas e ferva-as rapidamente.


Refogue a cebola picada em um pouco de azeite e manteiga. Acrescente o alho e logo depois as pimentas. Mexa bem. Não é necessário deixar desmanchar. Apenas o suficiente para refogar.
Uns 5 minutos antes de desligar o fogo acrescente a salsinha e cebolinha picadas. Sal a gosto. Desligue o fogo e deixe esfriar.
Bata tudo em um liqüidificador e acrescente o suco de limão. Pronto. Mantenha o molho resfriado ao longo do consumo.



sábado, 16 de agosto de 2014

Geléia de nêspera



A nêspera, também conhecida como ameixa amarela, é uma fruta que fez parte da minha infância. Sempre presente nos quintais e fazendas, suculenta, doce, com sabor próprio e muito apreciada pelas lagartas, se deixadas no pé.

Recentemente me deparei com um pé de nêspera carregado. Colhi um bocado e pensei: por que não tentar uma geléia? Ficou muito boa. Imagino que o doce em calda fique ainda melhor.


Ingredientes:

1/2 kg de nêsperas sem caroço
2 copos de açúcar cristal

Modo de preparo:

Leve as frutas ao fogo, fervendo com pouca água para que comecem a desmanchar.

Acrescente o açúcar e mexa em fogo baixo até atingir a consistência de geléia. Bom apetite.



Confira as postagens mais populares do Entre Receitas